Tríplice Epidemia: Frente Parlamentar debate a necessidade de comitês nas cidades do estado

70
0

Mais comitês nos municípios irão contribuir com o controle das doenças e conscientização da população na prevenção.

Os integrantes da Frente Parlamentar de Enfrentamento à Tríplice Epidemia: Dengue, Chikungunya e Zika realizaram, na tarde quarta-feira (04), a pedido do deputado estadual Renato Câmara (MDB) uma reunião ordinária virtual para debater o controle destas doenças no estado em tempo de Covid-19 e sobre a situação dos comitês de dengue nos municípios de MS, com análise dos membros da Coordenadoria de Vetores da SES/MS, Mauro Lucio Rosa e João Boin Junior.

Na reunião teve participantes de diversas entidades como Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Conselho Regional de Enfermagem (Coren/MS), Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Secretária de Estado de Educação, Secretária de Estado de Saúde, Universidade UCDB, entre outras.

“É possível avaliar que ainda temos muito a avançar neste combate a estas epidemias, aumentar a conscientização da população e principalmente das prefeituras e câmaras de vereadores para que aja uma cobrança na criação de comitês que discutam e levem propostas de combate a estas doenças nas cidades. Temos meios e ferramentas para isso, e precisamos agora estar alinhados e com medidas efetivas”, avalia o deputado Renato.

Em conjunto debateram propostas e ações para aumentar o combate e a conscientização da população sobre tomar os devidos cuidados já dentro de casa, bem como a importância de comitês nas cidades que discutam sobre a Tríplice Epidemia. Foi também avaliado entre os participantes como a tecnologia tem ajudado na coleta de informações, bem como analisada melhorias de trabalho e metodologia para os agentes.

“Essa reunião foi de extrema importância para a saúde da população do estado, e parabenizo o deputado por esta iniciativa. A reunião foi muito produtiva, destacamos pontos importantes que estavam ainda precisando de solução, principalmente neste momento que vivemos aqui no estado em tempos de pandemia”, avalia João Boin Junior da Coordenadoria de Vetores da SES/MS.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here