Em 2021, Senar/MS capacitou mais de 28 mil pessoas que vivem no campo

17
0

Adaptação, segurança e tecnificação alavancou ações nos últimos meses.

O ano de 2021 foi de retomada para o Senar Mato Grosso do Sul que, após o período restritivo da pandemia, se adaptou ao momento e retornou os atendimentos e as capacitações com intensidade nos quatro cantos do estado.

O balanço positivo é confirmado em números. Foram mais de 100 mil horas/aulas ministradas em 4.100 cursos realizados. Nos cursos de Formação Profissional Rural foram 22.693 pessoas capacitadas e em Promoção Social um total de 6.128 concluintes.

A tecnificação, que já fazia parte do portfólio da instituição, alavancou com a Plataforma EAD, ferramenta que possibilitou fazer cursos rápidos e gratuitos de qualquer lugar, a qualquer hora foram mais de mil concluintes em 143 turmas realizadas. E o formato híbrido agora faz parte da lista de capacitações onde é possível mesclar aulas presenciais e virtuais.

“Abrimos porteiras, presencial e virtualmente e cumprimos com a missão de compartilhar o conhecimento aos trabalhadores e produtores rurais. Com total segurança, certificamos pessoas no período em que muitos tiveram que suspender os estudos, e oferecemos opções gratuitas para que as pessoas adquirissem conhecimento, e estivessem preparadas para a abertura do mercado de trabalho”, afirma a gerente educacional, Luciana Baumhardt.

A saúde no campo também está entre as prioridades do Senar/MS. Em seis ações realizadas nos municípios de Rio Brilhante, Miranda, Jardim, Chapadão, Aparecida do Taboado, Bonito, Corumbá e Japorã, o Programa Especial Saúde do Homem e da Mulher Rural, foram aproximadamente 2.900 atendimentos, entre procedimentos, consultas e exames.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here